fbpx

Sem citar nomes, Bolsonaro se queixa de 'sabotagem' – O Antagonista

Sem citar nomes, Bolsonaro se queixa de 'sabotagem'   O Antagonista

Sem citar nomes, Bolsonaro se queixa de 'sabotagem' O Antagonista

Sem citar nomes, Bolsonaro se queixa de sabotagem×Foto: Alan Santos/PR

Depois da sessão de abertura do ano legislativo no Congresso, em que foi vaiado e xingado por parte da oposição, Jair Bolsonaro foi ao Twitter se queixar de “sabotagem” do seu governo.

“Não é fácil reconstruir um país destruído ao longo de décadas, ainda mais quando quem deveria ter trabalhado ao nosso lado para levar adiante o projeto escolhido nas urnas em 2018 decidiu, de forma egoísta, sabotar o próprio país e o próprio povo, mesmo em meio a uma pandemia”, escreveu o presidente que chamou a pandemia de “gripezinha”.

Bolsonaro prossegue, aludindo aos novos presidentes da Câmara e do Senado: “Hoje, iniciamos um novo capítulo e temos uma nova oportunidade de trabalhar em conjunto pelo Brasil; colocando o país, e não mais interesses pessoais, no coração de cada decisão tomada; respeitando, acima de tudo, os anseios e as tradições do povo brasileiro”.

Faltou incluir “e, como sempre, colocando nos outros a culpa pelos fracassos”.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.Mais lidas


  • Biden recebe dossiê que recomenda suspender acordos entre EUA e governo Bolsonaro

    56 minutos atrás


  • ‘Procuradores não são estrelas’, diz Aras depois de enterrar a Lava Jato

    45 minutos atrás


  • Salve, Jorge!

    1 hora atrás


  • Lava Jato do Paraná é dissolvida com saldo de 278 condenações e 4,3 bilhões recuperados

    10 horas atrás


  • Em recurso ao STF, defesa de Moro diz que Lewandowski usurpou competência de Fachin ao liberar mensagens a Lula

    2 horas atrás

  • Mais notícias