fbpx

Phillips vai devolver R$ 60 milhões aos cofres públicos

Phillips vai devolver R$ 60 milhões aos cofres públicos

Phillips vai devolver R$ 60 milhões aos cofres públicos

A força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro fechou acordo de leniência com a Phillips Medical Systems Ltda. Os termos foram homologados pela 5ª Câmara de Coordenação e Revisão do Ministério Público Federal (MPF) e pela 7ª Vara Federal Criminal, do juiz Marcelo Bretas.

saiba mais

Viatura da Polícia Federal no Rio de Janeiro 28/07/2015 REUTERS/Sergio Moraes Viatura da Polícia Federal no Rio de Janeiro 28/07/2015 REUTERS/Sergio Moraes Foto: Reuters

Pelos termos do acordo, a Phillips se comprometeu a revelar crimes relacionados ao Ministério da Saúde e a Secretária de Saúde do Rio de Janeiro envolvendo empresários e agentes públicos sob o comando de Sérgio Côrter e Miguel Iskin, denunciados nas operações Fratura Exposta, Ressonância e SOS.

Segundo a Procuradoria, a empresa forneceu informações e documentos relacionados aos crimes que teve conhecimento e deverá fornecer dados complementares que surjam a partir de investigações internas. A Phillips também se comprometeu a cessar o envolvimento nos casos relatados e tomar medidas que evitem ações semelhantes no futuro.

Um dos pontos do acordo de leniência prevê pagamento de R$ 59,9 milhões aos cofres públicos a título de ressarcimento de danos materiais e morais dos crimes narrados.

Veja também:

Pazuello cita cenário improvável de vacinação em dezembro e divulga plano incompleto de logística

Estadão

  • separator
  • 0
  • comentários