fbpx

Aids: remédios anti-HIV conseguem impedir que pessoas peguem o vírus – Só Notícia Boa

Aids: remédios anti HIV conseguem impedir que pessoas peguem o vírus   Só Notícia Boa

Aids: remédios anti HIV conseguem impedir que pessoas peguem o vírus Só Notícia Boa

Aids_stopAids_stop

A ciência caminha a passos largos pra impedir que homens e mulheres continuem pegando Aids. Pesquisas mostram que drogas usadas para tratar o HIV também podem reduzir o risco de contaminação quando administradas diariamente.Um teste realizado pela Universidade de Washington (EUA) seguiu quase 5 mil casais no Quênia e em Uganda, nos quais uma pessoa tinha o HIV e a outra, não.A pessoa livre do vírus tomou diariamente um remédio para HIV (tenofovir), uma combinação de duas drogas contra o vírus (tenofovir e emtricitabina) ou um placebo.Houve 62% menos infecções pelo HIV no grupo que tomou apenas um remédio, e 73% menos infecções no grupo que tomou a combinação, em comparação com quem tomou o medicamento falso.O outro teste, feito pelos Centros de Controle de Doenças dos Estados Unidos, seguiu 1,2 mil homens e mulheres heterossexuais sem o HIV no Botsuana. Eles receberam diariamente, em uma única dose, ou uma combinação de comprimidos, ou um placebo.No geral, os medicamentos anti-HIV reduziram em 63% o risco de contrair o vírus. Um teste anterior descobriu que a combinação de duas drogas contra o HIV reduzia o risco de infecção em homens gays e bissexuais em 44%.A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirma que os estudos, revelados em antecipação a uma conferência sobre Aids em Roma, podem ter “impacto enorme” em prevenir a transmissão do HIV.“Este é um grande avanço científico que confirma o papel essencial que os remédios antirretrovirais devem desempenhar na resposta à Aids”, disse Michel Sidibé, diretor-executivo do Programa Conjunto da ONU para o HIV/Aids (Unaids).“Estes estudos podem nos ajudar a atingir o ‘ponto de virada’ na epidemia da Aids.”Detalhes na BBC