fbpx

Palmeiras volta a publicar balancetes e sofre prejuízo de R$ 136,6 milhões até agosto

Palmeiras volta a publicar balancetes e sofre prejuízo de R$ 136,6 milhões até agosto

Palmeiras volta a publicar balancetes e sofre prejuízo de R$ 136,6 milhões até agosto

O Palmeiras voltou a publicar os balancetes mensais por meio de seu site oficial. Em uma temporada marcada pela pandemia de covid-19, o clube alviverde, presidido por Maurício Galiotte, sofreu um prejuízo de R$ 136,6 milhões até o último mês de agosto.

saiba mais

As principais cifras do Palmeiras estão envolvidas no futebol. Até o mês de agosto, o último com dados publicados no site oficial, o clube teve receitas de R$ 276,7 milhões, com despesas de R$ 397,8 milhões, o que resulta em um prejuízo de R$ 121 milhões.

A Crefisa/FAM manteve o patrocínio ao Palmeiras inalterado durante os meses de pandemia, mas o clube vem sofrendo em função da redução de receita, especialmente pela ausência de público nos jogos no Allianz Parque e pela queda no programa Avanti.

Na tentativa de amenizar o prejuízo financeiro e para não demitir funcionários durante a pandemia, o Palmeiras entrou em acordo para reduzir em 25% os salários registrados em carteira dos jogadores de maio a julho e postergou os pagamentos referentes a direitos de imagem para 2021.

A retomada da publicação dos balancetes mensais era uma das principais críticas da oposição à gestão encabeçada por Maurício Galiotte. Por meio do site oficial do Palmeiras, agora é possível consultar os demonstrativos financeiros de janeiro até agosto.

O Palmeiras entra em campo para enfrentar o Fluminense às 21h30 (de Brasília) deste sábado, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Allianz Parque. Com uma série de desfalques, o técnico português Abel Ferreira precisará quebrar a cabeça para armar o time.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

  • separator
  • 0
  • comentários