fbpx

O garoto que domou o vento: inteligência e superação – Só Notícia Boa

O garoto que domou o vento: inteligência e superação   Só Notícia Boa

O garoto que domou o vento: inteligência e superação Só Notícia Boa

Malawi1|Malawi2Malawi1|Malawi2Esta é uma daquelas histórias bacanas de superação, conquistada pela inteligência e pela persistênca. É a história de William Kamkwamba, um menino desacreditado, retirado da escola pela pobreza e pela fome, que cresceu em uma aldeia de Malawi, na África. Lugar que não tinha saneamento básico, água corrente e muito menos eletricidade, onde pessoas percorrem quilômetros a pé para recarregar celulares e rádios, como William fazia.Mesmo fora da escola ele continuou frequentando uma pequena biblioteca, de um só cômodo, bancada por doações do Governo dos EUA. Lá ele conheceu um livro sobre moinhos de vento. Mesmo sem entender muito bem inglês, percebeu que aquilo era algo que ele conseguiria fazer. Percebeu que eletricidade era a chave para melhorar a condição de vida de sua família. Lá 2% da população tem luz elétrica em casa.Durante 3 meses ele juntou peças de ferro-velho, bicicletas encontradas no lixo, estudou sobre magnetismo, condutores e dínamos. Willian aplicou a teoria e construiu um moinho de vento da foto acima. O menino, então com 14 anos, foi ridicularizado quando terminou a engenhoca: “Você é doido, acho que está fumando maconha demais”, diziam.Porém, o projeto deu certo e começou a gerar energia para televisão, eletrodomésticos, rádio, iluminação, recarregar celulares e o mais importante, bombear água. Logo o moinho de Kamkwamba se tornou atração turística/funcional. Pessoas vinham de longe para carregar seus celulares, outros começaram a visitar a biblioteca. Até que um jornalista apareceu e poblicou a história, e a notícia se espalhou pela internet. E William resolveu escrever um livro, contando sua própria história de superação: “O garoto que domou o vento”, que já está na lista de Best Sellers do New York Times.Malawi2William Kamkwamba ganhou uma bolsa de estudos e está terminando o Segundo Grau em Johanesburgo, na África do Sul, no Kings College. Ele apareceu em diversos programas, como o Daily Show e chegou ao topo se apresentando no TED em Oxford, Inglaterra. Veja abaixo.Uma história pra gente começar bem a semana. Um incentivo pra acreditar nos sonhos, enfrentar as barreiras e nadar com fé contra a maré.