fbpx

Ferrari terá novo motor V8 | Revista Carro

Ferrari terá novo motor V8

Ferrari terá novo motor V8

A Ferrari prepara uma estreia interessante para o Salão de Frankfurt, que acontecerá no próximo mês. Muito mais do que o carro em si, uma das atrações da marca será seu novo motor 4.5 (4.495 cm³) V8 de 605 cv a 9.000 rpm e 55 kgfm de torque a 6.000 rpm.

Segundo a Ferrari, sua potência específica de 135 cv/l é a maior já atingida por um propulsor aspirado oferecido em um carro de produção em série.

O modelo escolhido para trazer a novidade sob o capô será a 458 Speciale, nova versão baseada no cupê, que terá sua apresentação confirmada para o Salão de Frankfurt. Até então as 458 Italia e Spider contam também com um 4.5 V8, porém de 570 cv.

De acordo com a fabricante, a 458 Speciale pode acelerar de 0 a 100 km/h em cerca de 3s0 e, de 0 a 200 km/h, em 9s1. No famoso circuito de Fiorano, a pista de testes oficial da marca, ela registrou o tempo de 1min23s5.

Além do motor, a 458 Speciale conta também com uma série de aperfeiçoamentos aerodinâmicos que chegarão também aos demais modelos da gama Ferrari. O centro de estilo da companhia (Ferrari Styling Centre), em conjunto com a Pininfarina, conseguiram obter formas ainda mais aerodinâmicas, em especial pelas áreas móveis na dianteira e traseira. Dessa forma é possível balancear o downforce e diminuir a resistência do ar de uma forma mais eficiente.

Nos recursos de assistência à dinâmica veicular, outra inovação é o Side Slip Control (SSC), que ajuda a controlar melhor o carro quando provocado em seu limite e ajudando a conferir mais emoção, sem esquecer da segurança, ao volante. O SSC atua em conjunto com o controle de tração (F1-Trac) e o sistema de distribuição de torque eletrônica entre as duas rodas do eixo motriz (E-Diff).

Por fim, os pneus Pilot Sport Cup2 foram desenvolvidos pela Michelin em parceria com a Ferrari especialmente para a 458 Speciale. Seu projeto contempla a maior eficiência tanto em piso seco como molhado, assim como a resistência elevada quando o modelo for usado em circuitos. A Ferrari acrescenta que isso permitiu ao modelo um bom tempo de resposta (0,060 s) e o melhor índice de aceleração lateral (1.33 g) já atingido em uma Ferrari de rua.

Posts Relacionados: