fbpx

Como comprar passagens de ônibus no Peru | Preciso Viajar

Como comprar passagens de ônibus no Peru

Como comprar passagens de ônibus no Peru

Se lá no Sudeste Asiático o segredo é comprar a passagem (ou qualquer outra coisa) em alguma das centenas de agências locais, no Peru o segredo é ir até a rodoviária.

É um saco negociar com os taxistas no Peru (pronto, falei!), mas pode acreditar que ainda é melhor se estressar uns 5 minutos barganhando o preço do táxi para ir até a rodoviária do que cair no conto do vigário das agências de turismo.

Ônibus no Peru

Eles vão te oferecer o tal ônibus cama, que seria o equivalente ao nosso ônibus leito. Você vai pagar uma pequena fortuna por esse ônibus e pode ser agraciado com um ônibus no estilo do convencional do Brasil. Não seria o fim do mundo se as viagens fossem curtas, coisa que no Peru, dependendo do trecho não serão.

Eu fui de ônibus de Cusco para Copacabana na Bolívia. A agência do hostel Pariwana me pediu 110 soles no trecho de 10 horas. Me garantiu que era o tal “bus cama”. Como eu não consigo dormir nos ônibus, eu queria pagar menos e ir no equivalente ao nosso ônibus semi-leito.

Fui procurar em outras agências no centro de Cusco e encontrei o tal “bus semi-cama” por 80 soles. Ingenuamente achei barato e caí na conversa que o ônibus era super moderno (de fato existem ônibus super modernos no Peru e alguns até tem wi-fi), mas não era o caso do ônibus Nuevo Continente.

Quando cheguei na rodoviária quase entrei em desespero. O ônibus era velho, a poltrona obviamente não reclinava tudo que eles falavam que reclinava e o pior, o ônibus não tinha calefação. E o mais bizarro é que o nome não era Nuevo Continente. Eu não quis chamara  atenção ali na rodoviária e tirar minha câmera profisisonal da mochila e infelizmente não consegui registrar o estado do ônibus.

No meio do caminho, a janela simplesmente congelou. Nunca passei tanto frio na minha vida. Ah, banheiro também não tinha e o ônibus não parou uma única vez no meio da estrada.

Além disso, o prometido era que o ônibus iria direto para Copacabana e a verdade é que ele ía direto para La Paz. No meio da estrada, tivemos que descer e ficamos esperando uma van. Era uma van apenas para 2 ônibus, então passamos uns 10 minutos congelando na estrada.

Quando conseguiram reúnir todo mundo, saímos apertados na van em direção a fronteira. Tivemos que descer da van, atravessar a pé e já no lado da Bolívia, tinha outra van nos esperando. Tentaram nos cobrar uma propina (nossa querida gorjeta) por esse serviço, mas ninguém quis pagar.

van

A travessia é bem tranquila, mas o prometido era que iríamos de ônibus e não fomos.

fronteira Peru - Bolívia

A fronteira ainda na parte do Peru

Na van conheci uns equatorianos que me contaram esse segredo da rodoviária (as agências cobram pelo menos 20% a mais que o valor real) e me falaram que pegaram o tal “bus cama” de uma empresa chamada El Salvador por 80 soles. E também falaram que a empresa era boa. Ou seja, se você for de Cusco para Copacabana, sugiro o ônibus El Salvador e não Nuevo Continente.