fbpx

As 48 horas de Nathalia Queiroz – O Antagonista

As 48 horas de Nathalia Queiroz   O Antagonista

As 48 horas de Nathalia Queiroz O Antagonista

As transações bancárias de Nathalia Queiroz mostram que a personal trainer repassava a seu pai, Fabrício Queiroz, parte de seu salário na Assembleia Legislativa do Rio menos de 48 horas depois de recebê-lo.

Diz a Folha:

“A dinâmica se dava quase sempre da mesma forma: Nathalia recebia o salário em sua conta no Banco do Brasil, transferia para sua conta no Itaú e, em seguida, mandava a maior parte para seu pai, no mesmo banco. De 22 repasses que fez no período, 17 seguiram o mesmo padrão.”

Leia também:

Em destaque:Nathalia QueirozFabrício QueirozrachadinhaMinistério Público do RioFlávio BolsonaroAlerj

Segundo o Ministério Público do Rio, todo o dinheiro vivo do esquema pode ter sido usado para pagar as despesas pessoais de Flávio Bolsonaro.