fbpx

Ministro Gilmar Mendes manda soltar secretário de Transportes, Alexandre Baldy – JR 24H – R7 Boletim JR 24H

Ministro Gilmar Mendes manda soltar secretário de Transportes, Alexandre Baldy   JR 24H   R7 Boletim JR 24H

Ministro Gilmar Mendes manda soltar secretário de Transportes, Alexandre Baldy JR 24H R7 Boletim JR 24H

COMPARTILHARRedes SociaisIncorporarPlaylistPlaylist BackPlaylist Next00:00/00:00ao vivo

 

  • Anotações
  • Legendas (CC)
  • QualidadeAjustes
  • 01:22:35Veja TambémLorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit sed Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit sed

    Anúncios bloqueados

    Para continuar assistindo esse vídeo, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios e recarregue a página.

    Recarregar

    Conteúdo exclusivo para assinantes

    Ainda não é assinante?  Experimente

    Credenciais incorretas

    Faça seu login para assistir o vídeo

    OU R7 login

    Por favor aceite os termos de uso

    Quero assistir a esse vídeo

    Carregando…

    Navegador desatualizado

    Seu navegador parece não nos entender! Por favor, atualize-o para reproduzir este conteúdo.

    Assista a seguir

    Após roubo, peso do cofre obriga bandidos a abandonarem carro em SP

    CancelarVídeos Relacionados

    Compartilhar

    ou

    CopiadoIncorporarA largura deve ter no mínimo 320 pixelsLarguraA altura deve ter no mínimo 180 pixelsAltura

    copie o código

    Copiado

    Oops! Algo deu errado

    Por favor, recarregue a página.

    Conteúdo bloqueado

    Lamentamos, mas o vídeo que está tentando assistir é de exibição exclusiva em território brasileiro 🙁

    compartilhamentos A- A+

    O Ministro Gilmar Mendes mandou soltar o secretário de Transportes, Alexandre Baldy. O ministro entendeu que a prisão temporária não pode ser decretada para a realização de um interrogatório. Ele é suspeito de cometer atos ilícitos enquanto Secretário de estado em Goiás. Nesta edição do Boletim JR 24 Horas, veja também: Escolas de São Paulo aceitam retomar as aulas e professores ameaçam entrar em greve.