fbpx

Os R$ 5,2 bilhões em ‘penduricalhos’ – O Antagonista

Os R$ 5,2 bilhões em

Os R$ 5,2 bilhões em

O Ministério da Economia gastou, em 2019, R$ 5,2 bilhões com “penduricalhos” pagos a servidores da União, autarquias e fundações públicas federais com salários superiores a R$ 9,8 mil, informa a Crusoé.

O levantamento foi feito pela pasta para apoiar uma PEC do deputado Pedro Cunha Lima (PSDB-PB). O texto prevê o corte dos penduricalhos nos vencimentos de agentes públicos com salários superiores a R$ 9,8 mil, valor equivalente a 25% da remuneração de ministros do STF.

A tesourada mira todo o poder público, de servidores e políticos. A PEC, no entanto, está parada na CCJ da Câmara.

Leia também:

Em destaque:Ministério da EconomiaCrusoéPECPedro Cunha Limapenduricalhos

“A economia ajudaria em um cenário pós-pandemia e há, ainda, um significado: mostraria que somos um país incorporando uma nova mentalidade”, disse Lima.

Leia aqui a reportagem completa.