fbpx

Não pare nas enchentes | Revista Carro

Não pare nas enchentes

Não pare nas enchentes

Seu automóvel em ordem corre menos riscos nas chuvas

Em épocas de chuvas fortes, fique atento antes de sair de casa com o carro. Muitas vezes, ter um modelo mais alto não ajuda tanto na hora de enfrentar tempestades e alagamentos. É preciso, como diz o engenheiro mecânico Denis Marum, verificar para-brisas, freios, lanternas, pneus e baterias: “No meio de um temporal percebemos que era necessário trocar a bateria, porque se sobrecarrega a parte elétrica, acendendo as lanternas, desembaçador traseiro, o rádio. Os que têm carros com mais de dois anos devem ter cuidado especial para o estado da bateria”, alerta Marum.   É importante checar:  

  • Palhetas do para-brisa – não podem estar ressecadas;
  • Água do esguicho – deve ter líquido desengordurante;
  • Luzes das lanternas – devem estar em perfeito estado;
  • Pneus – não podem estar carecas;
  • Verifique o sistema de freios;
  • Desembaçadores traseiro e dianteiro – devem estar funcionando;
  • Borrachas das portas – devem estar em bom estado para vedar a entrada de água;
  • Bateria – deve estar bem carregada.

 

Em caso de estar no congestionamento e a água subir rápido:  

  • Acelere o carro durante toda travessia.
  • Passe a área alagada em 1ª marcha e devagar (porque a aceleração do carro evita a entrada de água pelo escapamento).
  • Evite marola para que a água não alcance a entrada do filtro de ar, verifique a passagem de caminhões e carros ao seu lado ou em sentido contrário.
  • Se o carro morrer, não tente fazê-lo pegar. Peça ajuda e retire-o do local onde está parado.
  • A altura máxima para passar numa área alagada é a metade da roda.
  • Fique atento ao noticiário de rádio para saber como evitar as áreas alagadas
  • Não enfrente a enchente achando que pode ultrapassá-la. Como os veículos têm os comandos elétricos, é muito fácil o carro dar pane e você ficar no meio da água.